top of page
  • Foto do escritoroctaEra

A importância do fogo para os povos indígenas

O fogo foi a primeira fonte de energia descoberta, controlada e usada pelos humanos. Um dos primeiros capítulos da história do fogo foi o atrito entre dois pedaços de madeira, e até hoje ele é extremamente importante na vida de todos, mas principalmente no cotidiano dos povos indígenas.


Povos indígenas e comunidades tradicionais, cujos territórios fazem parte de diversos biomas (Cerrado, Amazônia e outros da América do Sul) utilizam o fogo para vários fins: agricultura, caça, pesca, coleta, pecuária, proteção de florestas, rituais, roça, coleta de mel, limpeza dos caminhos e arredores das aldeias e para comunicação.


O fogo de controle da vegetação é sempre empregado nas épocas adequadas, entre os meses de abril e junho (aqui no Brasil), e respeitando os sinais da natureza, para não interferir na fase de reprodução dos animais, favorecer a floração e frutificação das plantas e o controle do material combustível nas proximidades das matas, florestas e aldeias.


Muito usado também para o preparo de alimentos, para aquecimento em dias de frio e para proteção em geral. O fogo tende a afastar predadores e também os mosquitos!


Antigamente, quem tinha a habilidade de produzir fogo ocupava uma posição de maior responsabilidade dentro da comunidade. Mas devido àfacilidade para se iniciar um fogo, hoje em dia a história não émais a mesma, mas o conhecimento indígena auxilia em diversas ocasiões, como por exemplo nas estratégias de combate a incêndios.



35 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page